BLOG

  • Camila Schinemann

Você sabe como manter sua casa fresca no verão?

Criamos essa matéria com diversas dicas para que quando chegar o verão, sua casa não fique como uma estufa!

Antes de começarmos, é de extrema importância que você entenda que se o seu imóvel tem problemas com calor ou frio excessivos, seu projeto arquitetônico foi mal desenvolvido ou nem existiu.


Dizemos isso pois é função do arquiteto ou engenheiro civil contratado como autor do seu projeto arquitetônico, que faça o estudo adequado do seu terreno, da orientação solar e da orientação dos ventos, além de escolher os revestimentos e materiais que proporcionem o melhor conforto térmico para o seu ambiente. A seguir, iremos apontar e explicar alguns motivos que podem estar ocasionando o maior aquecimento da sua casa:


Revestimentos


A escolha assertiva de revestimentos se faz muito necessária e tem consequências explícitas em épocas de muito frio ou de calor intenso. Chamamos de conforto térmico aquela sensação de bem estar nas edificações, a qual se da através de estudos relacionados a umidade, ventilação e temperatura dos ambientes. Aqui vão alguns revestimentos que proporcionam conforto térmico para você usar no seu imóvel: piso laminado, piso vinílico, telhas cerâmicas, telhas metalicas, drywall, madeira.


Cores claras


Seja em objetos, tecidos, móveis ou tintas, as cores claras (como o branco, nude, palha, pêssego, etc) são as mais indicadas pois refletem os raios solares. Ao contrário das cores escuras (como o cinza, marrom, preto, bordô, etc) que absorvem o calor.


Má Ventilação


Como dito no começo da matéria, é de obrigação do profissional contratado para o projeto arquitetônico que se desenvolva um estudo profundo acerca da ventilação do terreno. Quando não desenvolvido ou desenvolvido de forma errada, poderá surgir ou a falta de ventilação adequada ou o excesso dela. Alternativas para isso é buscar um profissional para rever as aberturas dos ambientes e para pensar numa melhor circulação de ar para os seus ambientes. Ele poderá indicar o investimento em um circulador de ar e a destruição ou construção de aberturas.



Falta de Vegetação


As vegetações são as grandes responsáveis por manter o tempo agradável, sem excessos de temperatura. Sejam elas externas (no pátio) ou internas (em vasos), elas contribuem diretamente para a qualidade do ar, umidificação e conforto térmico. Plante árvores e tenha muitos vasos em casa além de que, caso você queira investir neles, os telhados verdes além de lindos diminuem e MUITO a sensação térmica dos ambientes.


Localização


Há locais que por conta do clima existente, são naturalmente mais quentes. Por isso novamente insistimos na importância dos estudos solares para a construção do imóvel. Mesmo sendo um lugar com grande incidência solar, existem diversas alternativas para se obter um bom conforto térmico, como algumas já citadas nessa matéria.


Agora que você entendeu melhor o porquê da sua casa ficar muito quente e de bônus recebeu algumas alternativas ao calor gerado, seguem mais algumas dicas para te ajudar nesse combate ao calor excessivo:


1 Troque as suas lâmpadas incandescentes por lâmpadas de Led! As lâmpadas led além de economizar e durar mais, elas exigem menos consumo energético o que diminui o calor gerado.


2 Caso queira investir, busque colocar películas bloqueadoras de raios solares nas janelas de sua casa! Além de diminuir o danificamento aos móveis causado pelo sol, elas diminuem a absorção solar do ambiente deixando a opção de estufa de lado.


3 Em alternativa às películas bloqueadoras, busque deixar as cortinas fechadas durante o dia! Esta dica não é tão eficaz quanto a anterior mas é uma forma de você não gastar e melhorar a sensação térmica.


4 Tire todos os aparelhos eletrônicos das tomadas! Isso irá diminuir o calor gerado em sua casa, mas a diferença não será tão significante se forem só algumas tomadas.


5 Reveja tudo no disjuntor da sua casa. Para isso, a melhor alternativa é analisar como estão os pontos de eletricidade e se houver necessidade, buscar contratar um projeto elétrico eficiente, o qual além de ajudar na questão da temperatura, fará as suas contas de luz diminuírem.



Além dos desconfortos que o calor excessivo pode trazer, ele pode influenciar negativamente na estrutura do seu imóvel, por isso é de extrema importância que ele esteja regularizado na prefeitura e que tenha passado pelo processo de obtenção de alvará. Mas caso o seu imóvel não tenha alvará de construção e não seja regularizado, indicamos a você que busque regularizar seu imóvel junto a prefeitura da sua cidade!

E para terminar com chave de ouro, a dica sustentável de hoje é a seguinte: Tudo o que fazemos ou produzimos neste planeta terá consequências. Temos enfrentado ilhas de calor, diminuição da camada de ozônio, aumento exponencial das temperaturas, seca, entre outros problemas muito sérios que estão sendo ocasionados por nós.


Não adianta você buscar alternativas para a sensação de calor insuportável do seu imóvel, sendo que você não recicla, não evita de produzir lixo em larga escala, não pensa de forma consciente e sustentável. O pacote de bala jogado no chão terá influência no seu modo de vida e bem estar, além de afetar sociedades e ecossistemas. Repense, reutilize, recicle e reduza!





Categorias

CONHEÇA NOSSO TRABALHO

Posts recentes

  • Ícone cinza LinkedIn
  • Facebook
  • Instagram
  • enviar_edited
  • botao-de-chamada-telefonica_edited
  • placeholder_edited

(41) 99711-0474

Deputado Heitor Alencar Furtado, 5000, Bloco A, Primeiro Andar, Ecoville  |  Curitiba  |  CEP: 81280-340