BLOG

  • Bernardo Henrique Bahr Schafer

Estruturas Metálicas valem a pena?

Está em dúvida se deve ou não usar estruturas metálicas em sua casa? Então venha descobrir suas vantagens e um pouco mais de sua história!


O que são?


Estruturas metálicas são um elemento estrutural muito utilizado na construção civil, formado por componentes metálicos, principalmente o aço. Os aços podem ser caracterizados como um tipo de liga ferro-carbono, geralmente com teores de carbono até 2,1%, e com a presença de outros elementos como o Mn, Si, P, S, que preveem do processo de obtenção, e de outros elementos adicionados como o Cu, Cr, Ni, Mo, Nb, para melhoria de suas propriedades.


Como começou a ser utilizado?


Surpreendentemente para algumas pessoas, as estruturas metálicas não são um método novo de construção, temos como senso comum de achar que é um formato recente de construção, por não ser um dos modelos mais utilizados no Brasil, assim não vemos muitas construções de grande porte utilizando estruturas metálicas, entretanto analisando algumas obras em países a fora, percebemos construções famosas que utilizaram esse método construtivo, como exemplo: Torre Eiffel, a ponte do Brooklyn e os edifícios Chrysler e Empire State.


A primeira obra que foi feita 100% em aço foi a ponte sobre o rio Severn na Inglaterra, em 1779, tendo em vista a data de sua criação podemos perceber que as estruturas metálicas já são usadas a muito tempo. O que favoreceu na popularização dessas estruturas foi a facilidade da execução da obra. Algumas obras foram feitas como vitrine dos benefícios dos aços na construção civil como a Torre Eiffel que na sua época foi feita para mostrar o potencial das estruturas metálicas nas obras quanto estruturais e estéticas.


Uma cidade onde foi muito utilizado esse tipo de construção foi Chicago, isso ocorreu devido ao incêndio de 1871, que destruiu a cidade quase por completa, assim para se obter uma reconstrução rápida da cidade foi utilizado esse tipo de método construtivo em muitas das construções.



No Brasil não era muito comum a construção de edifícios com estruturas metálicas devido ao alto preço, pois todo o material era exportado, então só se começou a utilizar em larga escala após a segunda guerra mundial. O primeiro edifício produzido com esse tipo de material foi a Garagem América, em São Paulo, no ano de 1954, um dos principais fatores de sua utilização foi o fato do terreno ser muito irregular. Com maior projeção, o Edifício Avenida Central foi construído no Rio de Janeiro em 1961 e, a partir daí este tipo de obra foi se popularizando no Brasil.


Existem grandes obras com estrutura metálica no Brasil. Alguns exemplos seguem:


  • ​Cristo Redentor – Rio de Janeiro

  • Metrô – São Paulo

  • Metrô – Rio de Janeiro

  • Esplanada dos Ministérios – Brasília​

  • Congresso Nacional – Brasília



Exemplos de Estruturas metálicas:


  • Girder

  • Joist

  • Perfil Z

  • Lanternim

  • Domos

  • Calhas, Rufos e Acessórios

  • Telha Zipada

  • Telha Trapezoidal

  • Steel Frame

  • Escadas

Essas estruturas metálicas podem ser utilizadas para a execução de vigas, pilares, terças, treliças de telhado, barrotes de mezaninos, pórticos e pergolados.



Locais que é usado estruturas metálicas:


  • Galpões

  • Estrutura de suporte de máquinas e equipamentos

  • Plataformas marítimas

  • Indústria naval

  • Refinarias e instalações industriais

  • Posto de gasolina

  • Fundações e contenções

  • Edifícios de andares múltiplos

  • Pontes ​

Modo de Fabricação:

Como as estruturas metálicas são em sua maioria feitas com aço, por primeiro precisa entender a forma de fabricação do aço, que se baseia em 5 grandes etapas, que são eles: Preparo das matérias primas, produção do ferro-gusa, produção do aço, refinamento e por fim a conformação mecânica. Em seguida iremos dar uma breve explicação do que ocorre em cada parte do processamento.

  • Preparo das matérias primas:


Essa etapa se baseia na obtenção das matérias primas para a queima do minério de ferro, que são necessários basicamente calcário, coque (um tipo de carvão), minério e ar.


  • Produção do ferro-gusa:


Essa etapa se baseia em esquentar o minério de ferro (Fe3O4) de forma que se perde o oxigênio da formula, para isso se mistura o calcário, coque (um tipo de carvão), minério e ar, assim após a fervura ficando apenas o ferro puro no estado liquido chamado de ferro-gusa.


  • Produção do aço:


Essa etapa se baseia na formação do aço em si, o ferro-gusa provindo da etapa anterior é posto em estações de pre-tratamento, que promovem sua dessulfuração e depois é injetada uma carga de oxigênio - feito nos conversores de oxigênio - no aço para que seja ligado aos carbonos e assim diminua a incidência do carbono nesse aço para um grau de pureza maior, nesses conversores de oxigênio é o local o qual o aço refinado e transformado em aço líquido.


  • Refinamento:


Nesta etapa pode-se misturar outros componentes com o objetivo de modificar as propriedades do aço conforme o seu uso.


  • Conformação mecânica:


Nesta etapa se molda a forma desejada e se esfria o aço. Com o aço já feito se pode obter as estruturas metálicas por três processos laminação, solda ou dobramento.



Porque usar estruturas metálicas?


Algumas das vantagens da estrutura metálica são:


  • Versatilidade


As estruturas metálicas podem ser utilizadas em vários modos diferentes. Assim para projetistas que gostam de sair do comum e serem criativos em suas ideias são ótimos materiais para isso!


  • Rapidez na obra

Como as peças já chegam prontas da fábrica o processo dentro de obra é muito mais otimizado, assim podendo reduzir o tempo total da obra até em 1/3 do tempo normalmente levado.

  • Custo beneficio


A estrutura metálica é um material em si mais caro que os convencionais, entretanto tendo uma análise de custos geral da obra se faz ser um método construtivo mais barato devido ao menor tempo demandado para efetuar a obra.


  • Desperdício reduzido


Por ser um produto 100% reciclável o desperdício é o menor possível, além de serem peças pré-fabricadas, assim no projeto já está demandado tudo que vai ser necessário na obra, diminuindo ainda mais desperdícios.


  • Fácil compatibilidade com outros sistemas construtivos


É um sistema industrializado, dessa forma, permite um planejamento prévio, sendo possível deixar preparadas todas as furações necessárias nos montantes da estrutura para a passagem de condutores e canos.

  • Durabilidade


São estruturas que tem uma boa durabilidade em uma construção, um dos seus maiores problemas é a corrosão, entretanto para evitar esse problema muitas vezes as estruturas metálicas são revestidos por um revestimento de zinco.


  • Sustentável

Um ponto muito importante é sua sustentabilidade, falaremos mais sobre esse ponto no tópico a seguir.

Infinidades de coisas podem ser feitas com as estruturas metálicas, a gente já conhece a mais de 100 anos essa metodologia, tudo é uma questão de orçamento, pressa e ousadia do projetista!

Sustentabilidade


Um tópico importante a se levantar é o favorecimento para a natureza que as construções em estruturas metálicas proporcionam, por ser um processo construtivo a seco, utilizasse pouca agua em relação a outros processos construtivos, além de reduzir a emissão de poluição pelo fato dos materiais utilizados não passarem por um processo de queima, e do aço ser um material 100% reciclável


O que é necessário para um projeto com estruturas metálicas?


Pensando em relação ao adicional necessário quando se usa estruturas metálicas na construção civil é necessário que tenha no projeto:


  • Perfis que serão utilizados

  • Espessuras das peças

  • Dimensões da peça

  • Tipo de aço

  • Forma que serão montados (solda ou parafusos)


Porque contratar um profissional?


Por necessitar de peças pré-moldadas provindas das fabricas se faz uma importância maior ter um bom projeto e profissionais de qualidade para se efetuarem o projeto, pelo fato dessas estruturas não permitirem "improvisações".


Quer investir nessa técnica e ainda construir a sua casa dos sonhos? Então entre em contato conosco!

Categorias

CONHEÇA NOSSO TRABALHO

Posts recentes

  • Ícone cinza LinkedIn
  • Facebook
  • Instagram
  • enviar_edited
  • botao-de-chamada-telefonica_edited
  • placeholder_edited

(41) 99711-0474

Deputado Heitor Alencar Furtado, 5000, Bloco A, Primeiro Andar, Ecoville  |  Curitiba  |  CEP: 81280-340