top of page
5 (1).png

BLOG

  • Maria Luiza Hilman

Paisagismo de Interiores: como trazer a natureza para dentro de casa


Decoração de algumas plantas pequenas em vazos numa mesa de centro, com um sofá cinza com algumas almofadas atrás

O uso de plantas na decoração de ambientes internos tem se tornado uma grande tendência. Além do uso estético que traz destaque a um cômodo, também traz benefícios para o cotidiano e bem estar da casa.


Sala de jantar com uma janela grande à esquerda, mesa branca e cadeiras verdes em volta e decoração com frutas e plantas no interior


Benefícios e Vantagens de Planta Internas


As plantas usadas dentro de casa podem trazer diversos benefícios para o ambiente, como o conforto térmico e a regulação da umidade do ar, refrescando o entorno. As plantas também estão associadas a muitos benefícios emocionais que contribuem para o melhor funcionamento do ambiente de trabalho ou da vida cotidiana.


Sala de estar com sofá laranja, parede verde, decoração com plantas e temática de natureza, com grande janela à esquerda do ambiente


Como Incorporar o Paisagismo de Interiores


Existem diferentes formas de incorporar as plantas nos ambientes, independente do seu tamanho e espaço disponível. Um jeito interessante de incorporá-las é colocar as espécies escolhidas perto de aberturas, como janelas e varandas, e na integração dos ambientes. Assim, é possível criar uma composição rica com texturas de forma orgânica, integrando a vegetação dentro de casa.


  • Jardins verticais: essa técnica é muito utilizada, pois não ocupa muito espaço, nem atrapalha a circulação, além de virar um elemento de destaque no ambiente. Para isso, podem ser utilizados sistemas de jardineiras verticais ou treliças, complementadas com plantas de espécies trepadeiras ou pendentes, como a jiboia e a samambaia.


  • Plantas pendentes: outra técnica que pode ser incorporada em ambientes menores é o uso de plantas de espécies como a peperômia, a samambaia, a jiboia e suculentas como a dedo de moça, penduradas no teto ou colocadas em prateleiras.


Visão de uma parte de um ambiente com duas cadeiras, alguns quadros na parede, plantas de decoração e um tapete

  • Prateleiras e nichos: utilizar o espaço que já existe para ser preenchido com plantas pode ser uma ótima ideia. Espécies como cactos, suculentas e espécies pendentes completam a decoração.


Estante com vários nichos com decoração de plantas, em primeiro plano, uma mesa com plantas em vasos em cima

  • Vasos: para plantas de maior porte, colocá-las em vasos no chão pode ser a melhor opção. Espécies como costela-de-adão e espada-de-são-jorge são ideais para esse tipo de arranjo.


Uma parede com uma estante com decoração e plantas, plantas em vasos no chão ao lado e uma janela grande à esuquerda

Cuidados Necessários


Visão de um quarto com uma cama, ao lado de um sofá e decoração de plantas de grande porte no chão, a parede é verde clara e há um tapete

Antes de incorporar as plantas à sua casa, deve-se pensar em quais cuidados elas exigem. Em relação a iluminação, por exemplo, cada planta precisa de uma certa quantidade de luz natural. Em apartamentos, o mais indicado são plantas que não toleram muita luz ou aquelas que não precisam receber luz diretamente. As espécies plantadas em vasos também devem ter espaço suficiente para crescerem sem problemas, além de terem algum tipo de drenagem, como furos, para deixar a água escorrer. A irrigação também é um ponto de atenção, já que deve-se ter cuidado com a falta de água assim como com o excesso de água, cada planta tem suas necessidades.


Agora que você já percebeu como as plantas podem fazer a diferença em um cômodo, que tal investir em um projeto de interiores? A Tetris pode te ajudar a realizar esse investimento! Para mais informações, entre em contato conosco.

Kommentare


Categorias

webaliser-_TPTXZd9mOo-unsplash%20(1)_edi

CONHEÇA NOSSO TRABALHO

Posts recentes

bottom of page